Guerra de titãs em Carolina

0

Carolina é palco de uma batalha silenciosa entre os interesses da oligarquia Sarney e os interesses de seus subservientes súditos. Situação realmente inusitada já que recentemente a grande mídia, especialmente a Folha de São Paulo, publicou que o filho do patriarca do clã Sarney é quem manda na agenda do ministro das Minas e Energia Edison Lobão. Coincidentemente, a mídia é o motivo do imbróglio entre eles mesmos. Uma verdadeira guerra entre titãs.

Há mais ou menos dois anos a TV Mirante se instalou em Carolina por conta de contrato com a PIPES – empresa de navegação, estaleiro, cerâmica e agora projeto de ser o maior grupo agropecuário do sul do estado. Apesar de audiência relativamente baixa, dado ao grande número de antenas parabólicas na cidade, a emissora dos Sarneys tem garantido seu espaço junto aos telespectadores.

Agora está ameaçada de ser retirada do ar exatamente porque vem operando supostamente no canal que pertence à Difusora, de Lobão, e que está montando sua antena para iniciar suas operações em Carolina.

Na verdade, e o mais engraçado é que a Difusora está sendo instalada em Carolina para atender a projeto do grupo político que nas eleições passadas alardeava que tinha apoio de Roseana e de seu velho pai.

Nesta semana, um dos diretores da empresa PIPES viajou a São Luís para tentar resolver a questão, apesar de os responsáveis pela instalação da Difusora ainda não terem apresentado qualquer documentação que comprovem que tem o direito do canal 10 em Carolina.

O certo é que, tanto a Mirante quanto a Difusora leiloam o direito de retransmissão de seus sinais via satélite. Em Carolina, a emissora dos Sarney já teve nas mãos de todos os grupos políticos locais. Saiu do controle dos atuais gestores por fazer propaganda contrária ao governador Jackson Lago.

Já a Difusora, através de sua diretora comercial, conhecida com Dani, vende o sinal da emissora por R$ 3 mil. Quem pagar leva a Difusora para fazer parte da propaganda política que lhe interessa.

Sou apenas um trabalhador assalariado, casado com a companheira Irisnete Geleno, pai de quatro filhas(Ariany, Thamyres, Lailla e Rayara), morador da periferia (Boca da Mata-Imperatriz), militante partidário (PSTU) que assumiu algumas tarefas eleitorais como candidato (2006, 2008, 2010 e 2012) e que luta por uma sociedade COMUNISTA. Sempre fui e continuarei sendo a mesma pessoa de caráter que meus pais, minha escola, meus amigos ajudam a forjar. Um comunista escravo do modo de produção capitalista que não aceita a conciliação de classe defendida por muitos que se dizem de "esquerda", mas que na verdade são pequeno-burgueses que esperam sua chance no capitalismo.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: