Discurso dos FORMANDOS UFMA 2021.1

0

Discurso do orador dos estudantes da UFMA dos campi de Bacabal e Imperatriz na solenidade de colação de grau, realizada no dia 22 de novembro de 2021. Aos professores e membros do administrativo da UFMA, colegas de curso, formandos e familiares, boa noite! Estou aqui para cumprir a tarefa em nome dos formandos UFMA 2021.1 de BACABAL e IMPERATRIZ. Realizar uma fala dirigida a todos e todas que fizeram parte dessa caminhada acadêmica, colaborando para o fim exitoso de mais uma etapa das nossas vidas. Minha fala busca refletir alguns…Ler mais

#Fora Bolsonaro em Imperatriz, 2 outubro de 2021

0

Mais um ato em Imperatriz organizado pelas entidades que compõem a campanha nacional do #forabolsonaro. A concentração do ato ocorrerá no próximo sábado dia 2 de outubro, a partir das 16h30min na praça de Fátima, centro comercial de Imperatriz. Na semana que antecede o ato, militantes das organizações políticas e sociais fizeram a distribuição de um panfleto intitulado “10 motivos para tirar Bolsonaro da presidência”, os dez motivos sintetizam a situação do Brasil tendo Bolsonaro, que representa à direita no poder. Abaixo reproduzimos os dez motivos que propicia a unidade…Ler mais

Comunidade de Curvelândia (MA) denuncia impactos da produção de celulose na região

0

A pequena comunidade de Curvelândia, localizada na cidade de Vila Nova dos Martírios (MA) — distante cerca de 600 km da capital São Luís —, é reconhecida por ser o território de diversos povos tradicionais, como as quebradeiras de coco babaçu, trabalhadores e trabalhadoras rurais, e pescadores. Nos últimos meses, tem enfrentado dificuldades com a passagem de grandes caminhões pela estrada que cruza a comunidade. Estes caminhões tritrens transportam toras de madeiras pertencentes à empresa Suzano, com destino a Imperatriz, onde está localizada a fábrica de produção de celulose da…Ler mais

Livro: PÓS-MODERNIDADE, algumas palavras

0

O blog abre espaço para divulgar o lançamento do livro do Professor Jean Meneses pela editora Práxis Editorial com o título: “PÓS-MODERNIDADE, algumas palavras”.  O livro teve uma primeira tiragem limitada e foi passível através de uma campanha independente que possibilitou a impressão. Para fazer uma pequena apresentação sobre da obra pedimos ao autor a gravação de um pequeno vídeo, solicitação atendida que postamos abaixo: Como disse o autor, os últimos exemplares dessa primeira impressão pode ser adquirido entrando em contato via mensageiro do Facebook. O livro custa de R$…Ler mais

29M em Imperatriz: fora Bolsonaro e Mourão

0

A política genocida promovida por Bolsonaro e seguida pelos governos: estadual e municipal, de oposição ou não, vem matando muitos trabalhadores por falta de alternativas de sobrevivência. As pequenas diferenciações desaparecem no fato que não se opõem à exposição dos trabalhadores ao contágio no trabalho e da contaminação no retorno para sua casa com avós, pais, companheiras e filhos. É para denunciar a necropolítica imposta aos trabalhadores pelos governos e patrões que as centrais sindicais (CSP-CONLUTAS, CBS, CTB e CUT), estudantis e populares de todo o Brasil convocaram para o…Ler mais

Blogosfera, a nova fronteira da direita

0

Clique no play para ouvir o texto https://blogwilsonleite.com.br/wp-content/uploads/2021/05/Blogosfera-a-nova-fronteira-da-direita.wav A onda que surgiu e tomou força como um espaço de divulgação de opiniões e ideias individuais, os blogs (páginas pessoais na internet), tida como uma forma “livre” para os indivíduos “formadores de opinião”, ou meramente replicadores de outras, pudessem debater assuntos fora dos círculos formais de comunicação, rompendo com a barreira geográfica, de classes sociais, direcionamento político e credos. Apesar de os blogs terem a característica de difusão mais democrática, opondo-se aos meios de comunicação formais, que estão a serviço da…Ler mais

1.º de Maio em meio à pandemia e um governo genocida

0

Nesse 1.º de maio de 2021 as centrais sindicais, os sindicatos e os movimentos sociais e populares de luta que resistem a ideia de um 1.º de maio de comemoração e de conciliação de classes, defendida pelos grandes aparatos do movimento que desvirtuam as razões da classe trabalhadora ter um feriado nessa data para discutir a conjuntura que estão submetidos e pensar ações para mudá-las. Apesar das traições, no Maranhão a CSP-Conlutas e a Intersindical, duas centrais sindicais programaram uma live conjunta para refletir os ataques feitos pelos políticos burgueses…Ler mais

Autores de autobiografias participam de série de entrevistas

0

O Grupo de Estudo e Pesquisa: Epistemologia e Educação (GEPEE), vinculado à Universidade Federal do Maranhão (UFMA), campus de Imperatriz, apresenta um novo projeto no seu canal do YouTube em formato de entrevistas com os autores do e-book intitulado: “Autobiografia educacional: narrativas a partir de uma hermenêutica vivencial”. A série de entrevistas foi organizada pelo prof. Dr. Edson Ferreira da Costa, e tem por objetivo divulgar através das mídias sociais as narrativas educacionais dos autores do e-book que são estudantes do Curso de Licenciatura em Ciências Humanas/Sociologia. As entrevistas visam…Ler mais

Uma página do papel cumprido pela Suzano

0

“Prazer, somos a Suzano! E nós temos muito mais que um papel na sua vida.” Essa é a frase da página oficial da multinacional de produção de papel e celulose que têm no Brasil várias unidades de produção. Entre os estados de atuação o Maranhão é um deles. Sua implantação foi estratégica devido a fatores como: terras baratas e férteis, abundância de água, governos dispostos a qualquer negócio para ter a indústria em seu território para poder dizer “- fui eu que trouxe a fábrica” e um exército industrial de…Ler mais

TRABALHADORES DIRETOS DA SUZANO FAZEM PROTESTO NA FÁBRICA DE IMPERATRIZ-MA

0

Após a divulgação de uma paralisação das atividades no dia 31 de março (postado em: Agência de Notícias Imperatriz), um grupo de trabalhadores diretos da SUZANO, que atuam na operação de máquinas na colheita da madeira, realizou o ato na fábrica da Suzano em Imperatriz. Ao elencar os motivos que levaram esses trabalhadores a terem que tomar essa medida estão desde salários bem mais baixo que de outros trabalhadores da fábrica em outras unidades, do impedimento do registro de horas extras inferiores a trinta minutos no sistema de ponto (sem…Ler mais

1 2 3 20
%d blogueiros gostam disto: